Quotes

Conhecida por participar de realities na televisão, Luana Camarah assume os vocais da banda Malta após saída de Bruno Boncini: “Ninguém entra pra perder”

A cantora, que já participou do "Astros", "The Voice" e "Superstar", estreia de cara em uma gravadora de grande porte como a Som Livre e com o lançamento do disco "Indestrutível"

Publicado em 5 de setembro de 2016 | Por Leonardo Rocha

No momento em que Bruno Boncini anunciou que deixaria os vocais da Malta, muitos dos fãs do grupo ficaram receosos com o futuro da banda que despontou para o estrelato a partir do programa “Superstar”. E não é para menos. Em muito pouco tempo os caras alcançaram o topo das paradas de sucesso com o megahit “Diz Pra Mim”, ganharam diversos prêmios musicais e ainda foram indicados ao cobiçado Grammy Latino no ano de 2015. Mas toda essa preocupação chegou ao fim já nesta segunda-feira. Na manhã de hoje, a cantora Luana Camarah assumiu o posto deixado por Bruno há quase três meses.

Banda Malta em nova formação(Foto: Divulgação)

Banda Malta em nova formação(Foto: Divulgação)

E muito se engana quem pensa que a moça é uma estreante no mundo do rock. Além de estar há mais de 10 anos na estrada buscando seu lugar ao sol, Luana foi figurinha carimbada em diversos realities como o extinto “Astros” (2004), do SBT, chegou às finais do “The Voice”, pelo time de ninguém menos que Lulu Santos, e ainda ganhou destaque na última edição na própria atração comandada por Fernanda Lima, o “Superstar”, mas não ganhou nenhum dos programas. Apesar disso, ela mostrou ser um exemplo de superação e não se deixou abater com tantas bolas na trave que acertou durante os últimos. Mas como diz o ditado: quem acredita sempre alcança. Escolhida para integrar a Malta, Luana teve que superar 700 inscritos em uma triagem promovida pela própria Rede Globo para assumir de vez o microfone da banda.

A cantora assume os vocais da banda Malta (Foto: Divulgação)

A cantora assume os vocais da banda Malta (Foto: Divulgação)

Depois de tantos esforços, Luana estreia de cara em uma gravadora de grande porte como a Som Livre e com o lançamento do disco “Indestrutível” – que acreditem ou não vem para mostrar que o grupo é capaz de seguir em frente mesmo sem o carisma do ex-vocalista. “Estamos compondo juntos. Os meninos também têm muitas coisas legais e eu estou resgatando muitas letras minhas”, adiantou Luana.

Nascida em Taubaté, no interior de São Paulo, Luana começou a cantar profissionalmente aos 12 anos em uma banda de bailes. Hoje, cheia de atitudes – e tatuagens, ela garantiu que não vai se incomodar com futuras comparações. “Temos ideias muito iguais. Talvez a maior mudança que alguém possa sentir é pelo fato de eu ser uma guria. Fica mais difícil cair na comparação. Bruno tem um timbre mais limpo, eu tenho minha característica. É uma forma de se restabelecer, só que no mesmo cenário”, disse ela em entrevista ao “Uol”.

malta1

Antiga formação, ainda com Bruno Boncini

Pesquisas relacionadas