Moda & Beleza

Poderosos: Tom Ford e Kanye West abrem a temporada outono/inverno da New York Fashion Week com algumas doses de polêmicas

Com todo o glamour de uma das semanas de moda mais badaladas do mundo, Tom Ford apostou em desfile vipado com presença de convidados ilustres, enquanto a Yeezy Season 4, ccoleção criada pelo rapper Kanye West para a Adidas teve problemas com modelos

Publicado em 8 de setembro de 2016 | Por Leonardo Rocha

Uma das semanas de moda mais badaladas do mundo, a New York Fashion Week teve seu início na tarde da última quarta-feira com um desfile polêmico da coleção Yeezy Season 4, criada pelo rapper Kanye West, e uma apresentação repleta de convidados ilustres na primeira fila do sistema “see now, buy now” de Tom Ford. Principal novidade da temporada norte-americana, o novo formato em que as peças saem direto das passarelas para as vitrines das lojas tem sido incorporado por importantes marcas do cenário internacional como Burberry, Tommy Hilfiger, Vetements, Rebecca Minkoff e DVF – apesar da forte resistência de algumas grifes. O evento ainda marcou a volta de Ford para o calendário, já que o todo poderoso decidiu cancelar seu último desfile na própria NYFW, em fevereiro, para se readaptar a esse novo conceito e às ávidas exigências desse consumo com pegada imediatista.

O desfile da Yeezy Season 4, by Kanye West (Foto: Divulgação)

O desfile da Yeezy Season 4, by Kanye West (Foto: Divulgação)

Pois bem, mas vamos ao que interessa. Em um jantar de gala realizado no Four Seasons em Nova York, o estilista Tom Ford desfilou sua coleção Outono/Inverno 2016-2017 para uma plateia cheia de astros e estrelas. No evento elegante e intimista, apenas convidados especiais puderam prestigiar e ver tudo bem de pertinho. Mas os simpatizantes da marca não ficaram para trás e puderam comprar tudo o que viram nas passarelas pela Internet, claro. Nas peças apresentadas, o estilista apostou em uma coleção com um perfume dos anos 90 – como ele ama que remete aos seus tempos áureos de diretor criativo da Gucci -, repleta de saias abaixo dos joelhos e justas ao corpo, maxi blusas e detalhes com fivelas e argolas. O flerte com o brilho esteve presente nos vestidos de festa e nos chokers dourados que arremataram os looks. A modelo Gigi Hadid fez sua estreia nesta New York Fashion Week sob o olhar atento do amado, o músico Zayn Malik.

Desfile de Tom Ford na NYFW (Foto: Divulgação)

Desfile de Tom Ford na NYFW (Foto: Divulgação)

Para o estilista, o novo conceito tem muito a ver com a quantidade de informação que o consumidor tem recebido através do mundo cada vez mais digital. “Em um tempo que estamos cada vez mais imediatistas, a atual forma de mostrar uma coleção de quatro meses antes de estar disponível para os clientes é uma ideia antiquada e que não faz mais sentido. Os nossos consumidores hoje querem uma coleção que está disponível imediatamente. Os desfiles tradicionais e os calendários de moda como os conhecemos não vão mais funcionar como antes”, disse Ford à frente do show.

Julianne Moore e Uma Thurman com modelitos da nova coleção (Foto: Divulgação)

Julianne Moore e Uma Thurman com modelitos da nova coleção (Foto: Divulgação)

Fora das passarelas, os vestidos de lantejoulas e repletos de brilho assinados por Ford na coleção passada foram escolhidos por Karlie Kloss, Naomi Campbell e Rita Ora. Outras famosas como Julianne Moore e Uma Thurman usaram peças exclusivas, com referências que acabaram de sair do desfile do homem por trás da conceituada marca. Já a ex-modelo Cindy Crawford arrasou em um modelito longo branco, enquanto Alicia Keys – linda sem maquiagem e de turbante – escolheu um terno rosa quartzo e blusa transparente preta por baixo.

Cindy Crowford e Karlie Kloss no desfile da Tom Ford na NYFW (Foto: Divulgação)

Cindy Crawford e Karlie Kloss no desfile da Tom Ford na NYFW (Foto: Divulgação)

Apesar do sucesso de Ford, quem causou mesmo na NYFW foi Kanye West. O polêmico cantor escolheu um parque na Roosevelt Island, estreita ilha que fica em Nova York, para apresentar sua quarta colaboração com a Adidas, com a coleção Yeezy Season 4. O desfile, que abriu a semana de moda, transformou a passarela em uma performance artística que, debaixo de muito sol e quase uma hora de atraso, fez com que uma das modelos passasse mal durante a apresentação.

Modelos ficaram em pé debaixo de sol para uma performance antes do desfile da Yeezy (Foto: Divulgação)

Modelos ficaram em pé debaixo de sol para uma performance antes do desfile da Yeezy (Foto: Divulgação)

O show aconteceu dentro de um triângulo gigante e em seu perímetro foi construída uma passarela. As modelos que participaram da performance ficaram dentro do triângulo, paradas por quase duas horas debaixo de sol, algumas não aguentaram o calor e se sentaram no gramado. Apesar de serem hidratadas com água, minutos antes da apresentação, a espera fez com que uma das modelos passasse mal e uma pessoa que assistia ao desfile tivesse que a socorrer. No entanto, a coleção remeteu à paleta de neutros da primeira temporada, com o ocasional preto e o amarelo (vestido por Sofia Richie, filha de Lionel Richie, naquela que foi a sua estreia em passarelas) em parkas, camisolas com capuz oversize, t-shirts, tops curtos e justos e vestidos igualmente justos, conjugados com botas acima do joelho. Foi a primeira vez que West utilizou apenas modelos femininas em um dos seus desfiles, com o objetivo de celebrar todas as mulheres negras. “Apenas mulheres multirraciais”, explicou ele no Twitter.

Após horas de espera, as modelos se sentaram no chão (Foto: Divulgação)

Após horas de espera, as modelos se sentaram no chão (Foto: Divulgação)

Na primeira fila do desfile da Yeezy Season 4, ao contrário dos suntuosos figurinos que as Kardashians usaram na primeira fila do penúltimo desfile, Kim foi acompanhada pelas irmãs Kendall e Kylie Jenner, todas vestindo looks monocromáticos com peças da coleção. Kim até deu uma prévia, um dia antes do desfile, ao usar as botas de PVC da nova coleção.

kylie jenner, Kim Kardashian e Kendall Jenner prestigiaram o desfile de Kanye West (Foto: Divulgação)

Kylie jenner, Kim Kardashian e Kendall Jenner prestigiaram o desfile de Kanye West (Foto: Divulgação)

A temporada também será marcada por algumas mudanças de grifes tradicionais do calendário. Será a primeira coleção de Raf Simons à frente da Calvin Klein, substituindo Francisco Costa, estilista brasileiro que permaneceu na marca por 13 anos. Já Ralph Lauren se distancia da administração e direção criativa de sua grife desde que anunciou, no ano passado, que passaria o cargo de CEO para um ex-executivo da H&M.

Pesquisas relacionadas