Gente & Comportamento

Com filme e peça em cartaz, Miá Mello conversou com o HT e falou sobre o clima olímpico na cidade: “Só espero que não abandonem tudo depois”

Pela primeira vez, a atriz interpreta uma vilã e faz um trabalho para o público infantil no longa "Carrossel 2". Sobre a experiência com Larissa Manoela e sua turma, Miá confessou que ficou surpresa com o profissionalismo dos pequenos e o fanatismo do público. "Fiquei impressionada. Achei que estava até em um show dos Beatles"

Publicado em 17 de agosto de 2016 | Por Julia Pimentel

Ela é simpática, engraçada, fala inúmeras palavras por segundo e quando abre seu sorrisão, fica com os olhos pequenininhos. Caso não tenha associado, queridos leitores, estamos falando da atriz Miá Mello. Em entrevista recente ao HT, a moça nos colocou por dentro das novidades da sua carreira. Nos cinemas, Miá estreou na última semana como Didi Mel em “Carrossel 2”. E, como nos contou, essa experiência foi uma novidade em dois sentidos na trajetória da atriz. “Foi a primeira vez que eu fiz uma vilã e que eu trabalhei com e para o público infantil. Porém, independentemente de ter sido um filme para os pequenos, eu me dediquei com todo o afinco, assim como eu faria com um filme adulto. Eu tive uma preparação bem intensa e uma relação com a Rosanne (Mulholland) muito rápida, já que tínhamos que nos tornar amigas de infância em poucos dias. E foi um sucesso”, contou.

E esse novo público impressionou a atriz. Além do fanatismo dos espectadores mirins, Miá ainda destacou o profissionalismo dos atores. Liderados pela pequena Larissa Manoela, o filme tem mais de dez jovens artistas no elenco. “Aquelas crianças são um fenômeno. Eu brincava dizendo que elas eram ET’s, porque eu não conseguia acreditar como atores de 11 e 12 anos tinham aquele profissionalismo e comprometimento com o trabalho. Eu fui nas pré-estreias e fiquei assustada com as crianças chorando por causa do elenco. Fiquei impressionada. Achei que estava até em um show dos Beatles”, brincou a atriz que disse que está recebendo um retorno “bem legal e interessante”.

Miá Mello interpreta vilã em "Carrossel 2", o primeiro trabalho da atriz para o público infantil (Foto: Reprodução)

Miá Mello interpreta vilã em “Carrossel 2”, o primeiro trabalho da atriz para o público infantil (Foto: Reprodução)

Ainda nas telonas, Miá Mello estreia em setembro o filme “Um Namorado Para a Minha Mulher”, ao lado de Ingrid Guimarães, Domingos Montagner, Caco Ciocler, Paulinho Vilhena, Marcos Veras e grande elenco. Nesta trama, que foi inspirada no clássico argentino “Um Namorado Para a Minha Esposa”, de Juan Taratuto, Chico (Caco Ciocler) contrata um namorado de aluguel (Domingos Montanger) para servir de amante para a esposa Nena (Ingrid Guimarães). Toda essa situação é armada para fazer com que a mulher do triângulo amoroso pare de reclamar dos problemas com o marido. O filme, com previsão de estreia para 1° de setembro, foi dirigido por Julia Rezende, a mesma responsável por assinar o longa “Meu Passado Me Condena”.

Miá também está no elenco de "Um Namorado Para a Minha Mulher", com Ingrid Guimarães, Caco Ciocler e Domingos Montagner (Foto: Reprodução)

Miá também está no elenco de “Um Namorado Para a Minha Mulher”, com Ingrid Guimarães, Caco Ciocler e Domingos Montagner (Foto: Reprodução)

E, por falar no sucesso humorístico de Miá e Fábio Porchat, a dupla está em cartaz com a peça homônima até final de agosto no Shopping da Gávea, no Rio. “O texto do teatro funciona como um pré-filme, pré-série, pré-tudo. Nos palcos, a gente conta sobre a noite de núpcias do casal. Mas, acaba que é uma adaptação da história para aquele universo. Claro que no teatro tem uma linguagem um pouco maior, dá para ser mais exagerado e tudo mais. Porém, eu e Fábio (Porchat) apostamos mesmo é na nossa química, que é muito especial e única”, contou a atriz sobre a versão teatral da história.

Apesar do entrosamento entre Miá e Fábio, que fica claro no palco e nas telas da televisão e do cinema, engana-se quem pensa que essa amizade sempre existiu. Como Miá nos contou, os atores se conheceram exatamente para esses papéis. “Nós nos encontramos para fazer, primeiramente, a série do “Meu Passado Me Condena” para o Multishow. A partir disso a gente se grudou. Foi paixão à primeira vista profissional eu e Fábio. A gente tem uma relação super boa. Ele é muito trabalhador e, por isso, temos um ritmo parecido. Eu adoro contracenar com ele, por mim, fazemos ainda mais um milhão de trabalhos juntos”, disse a atriz que, apesar dos diversos projetos, ainda afirmou que sempre dá para trabalhar mais. “A gente acha um tempo, mesmo com tudo bagunçado”, completou.

Miá Mello e Fábio Porchat (Foto: Reprodução)

Miá Mello e Fábio Porchat (Foto: Reprodução)

Ainda que não deixasse a animação cair, Miá não escondeu a preocupação com o legado olímpico que ficará para o Rio de Janeiro. A atriz, que é de São Paulo, mas adotou a cidade-sede dos Jogos como nova casa, desabafou ao HT que deveríamos pensar mais em como ficará a urbe após toda a euforia esportiva. “Eu fico um pouco preocupada porque eu acho que deveríamos estar cuidando há mais tempo da cidade. Eu acho que tínhamos que pensar no Rio de Janeiro não só como o palco de um evento gigante, mas também como o lugar que vai ficar para os moradores depois que as delegações forem embora. Mas, fora isso, eu acho que vai ser um sucesso. A Copa do Mundo, em 2014, já mostrou que nós temos capacidade de realizar grandes encontros. Eu vou curtir muito, só espero que não abandonem a cidade depois”, declarou a atriz Miá Mello.

Pesquisas relacionadas

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,